virginia-rodrigues

Virginia Rodrigues

Genere musicale: fado

Foto in intestazione su http://www.ledevoir.com/culture/musique/283878/festival-montreal-en-lumiere-virginia-rodrigues-un-ange-passe

 

Sembra il suono del mare quel linguaggio che gira dal Brasile al Portogallo tra due bordi dell'Oceano Atlantico.  Flusso e riflusso, fado, karma, dio, Legge (...).

Il fado, le onde marine e la dea sirena Iemanja i soggetti del culto onorario più antico della terra.

Il culto alle Sirene è il Candomblé, (...).

Clip - Depois Que O Ilê Passar - Virginia Rodrigues

Clip - Clip - Canto de Iemanja Virginia Rodrigues

Iemanjá, Iemanjá

Iemanjá é dona Janaína que vem
Iemanjá, Iemanjá
Iemanjá é muita tristeza que vem
 
Vem do luar no céu
Vem do luar
No mar coberto de flor, meu bem
De Iemanjá
De Iemanjá a cantar o amor
E a se mirar
Na lua triste no céu, meu bem
Triste no mar
 
Se você quiser amar
Se você quiser amor
Vem comigo a Salvador
Para ouvir Iemanjá
 
Un cantar, na maré que vai
E na maré que vem
Do fim, mais do fim, do mar
Bem mais além
Bem mais além do que o fim do mar
Bem mais além

 

Clip - Virgínia Rodrigues - Querubim

Virgínia Rodrigues: a voz de alguém quando vem do coração from SaraivaConteúdo on Vimeo.

Clip - Virginia Rodriguez - Lua Lua Lua Lua

Clip - Virginia Rodrigues - Deus do Fogo e da Justiça

Ô Ci, o nome desse orixá

Está gravado na história
Eu não posso mencionar
Gerado, foi criado
Está esculpido na mente
Muito além da minha consciência
Gerado, vou cantar no meu ifé
A palavra mais justa de um rei
No seu culto Candomblé
Ô Ci, o nome desse orixá
Se você ainda não sabe
Agora eu vou te revelar
Ketu, falará, Ketu, falará
Que arê, rê Kaô
Que arê, rê oh Deus
Fai fogo da justiça
Kaô, me valha
Sou Ketu a nação mais odara

 

 

Aggiungi commento